Condição clínica que envolve suor excessivo em axilas, mãos, pés, couro cabeludo, algumas áreas da face. Trata-se de uma condição que afeta grandemente as relações sociais, causando prejuízos na autoestima e bem estar. Os tratamentos são: cremes e antitranspirantes específicos, algumas medicações via oral (apenas em casos muito específicos pela possibilidade de efeitos colaterais), iontoforese (pequenos choques na área acometida, com o objetivo de controlar a sudorese) e aplicação de toxina botulínica, um dos tratamentos mais realizados para essa condição, pois permite um controle efetivo da sudorese por tempo prolongado e com mínimos efeitos colaterais. Em casos mais avançados, a cirurgia chamada simpatectomia é a melhor indicação.